ACABOU O MISTÉRIO!! LÉO FORMIGÃO É DO REPUBLICANOS E É NOME FORTE PARA A VAGA DE VICE PREFEITO DE LORENZO PAZOLINI

18336

O Secretario da Central de Serviços é do Republicanos!

A filiação ocorreu no último dia 06/04/2024 e era aguardada com muita expectativa por vários setores da política de Vitória, no entanto, o secretário pegou a todos de surpresa ao se filiar no Republicanos, uma vez que é apontado como um forte nome para compor uma chapa com o atual prefeito da capital Lorenzo Pazolini. (Republicanos).

 

NA GREVE DOS GARIS O SECRETÁRIO LÉO FORMIGÃO REALIZOU UM GRANDE MULTIRÃO  DE LIMPEZA EM VITÓRIA

Leonardo Amorim Gonçalves, o Léo Formigão, é o possível candidato a vice de Pazolini que mais agrada aos vereadores da base e a líderes comunitários de Vitória, por sua excelente articulação com eles, construída ao longo de quase oito anos respondendo pela Central de Serviços, e por uma razão de ordem muito prática: como chefe da Central, é ele quem resolve os pequenos problemas levados por eles à prefeitura no dia a dia da cidade

(o buraco que precisa ser tapado, a árvore que precisa ser podada, a fiação, o meio-fio etc.).

E resolve mesmo, pelo que dizem. Fazendo jus ao apelido, o secretário de Serviços é conhecido como um trabalhador incansável, disponível “24 horas por dia”.

HOMEM FORTE DO PREFEITO LORENZO PAZOLINI LÉO FORMIGÃO É UMA OPÇÃO DESEJADA POR UMA GRANDE PARCELA DE PRESIDENTES DE COMUNIDADES EM VITÓRIA

TRAJETÓRIA DE SUCESSO

 

Formigão chegou à Prefeitura de Vitória em um cargo menor em março de 2013, no começo do primeiro mandato de Luciano Rezende.

Em 2015, assumiu a chefia da Central de Serviços, onde permaneceu até maio de 2019, no segundo mandato de Luciano.

Em janeiro de 2021, comecinho do governo Pazolini, voltou ao cargo por nomeação do atual prefeito, apoiado por ele em 2020.

 

O  secretário nunca disputou mandato, mas, como ele mesmo relata, costuma participar intensamente de campanhas eleitorais: “Gosto muito”. Já foi filiado ao PP e ao Podemos.

Mas garantiu que, na prática, não tem mais nenhuma militância e já não se sente parte do Podemos desde o início do governo Pazolini.

O Podemos apoia o governo Casagrande e não caminhará com o prefeito de Vitória.

Para estar apto a concorrer à eleição deste ano, Formigão se filiou  ao Repúblicano no último dia 06 de  abril.

Uma hipótese era voltar para o PP, que tende a marchar com Pazolini, mas Formigão escolheu o Repúblicano.

Sobre a inclusão de seu nome nas listas informais de possíveis vices, o secretário confirma que vem ouvindo muitas falas de líderes comunitários, simpatizantes da gestão nesse sentido, mas diz que tem tido a cautela de não se expor neste momento, pois sabe que essa é uma decisão que não será tomada agora.

 

 

LEONARDO FORMIGÃO NOME DE CONSENSO DOS APOIADORES DA GESTÃO PARA COMPOR A CHAPA COMO VICE PREFEITO EM 2024

 

O QUE DIZ A LEGISLAÇÃO SOBRE OS SECRETARIOS MUNICIPAIS?

Assim, os secretários municipais -ou integrantes de órgãos congêneres- que quiserem concorrer a uma vaga de vereador devem se afastar 6 meses antes do pleito. Já para a vaga de  prefeito ou vice-prefeito, o prazo para os secretários municipais (incluídos aqui também os secretários estaduais) se desligarem do cargo é de 4 meses.

 

“Se é da vontade das pessoas falar isso, tudo bem. Mas, se isso acontecer, entendo que será num momento mais à frente. Mas é aquilo que sempre falei: sou soldado do prefeito Pazolini, participo do grupo político dele e tenho fidelidade total a ele. Caso futuramente esse convite se concretize, é lógico que vou, sim, estudar essa possibilidade e não tenho nenhuma dificuldade em topar o desafio.”, concluiu  Léo Formigão.