Após desafiar o STF Capitão Assunção fanfarrão está novamente na cadeia por ordem de Moraes

2521

O deputado estadual e pré-candidato a prefeito de Vitória, Capitão Assumpção (PL), foi alvo de nova decisão proferida pelo ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes. Informações enviadas a REDENEWSGRANDEVITÓRIA na noite desta quarta-feira (28) dão conta que a Polícia Federal cumpriu mandado esta noite.

Assunção de conduta violenta e desequilibrada, descumpriu às regras impostas pelo o STF.

Capitão Assunção mostra tornozeleira

O deputado teria sido conduzido a sede da Superintendência da PF, em Vila Velha para prestar esclarecimentos, supostamente por estar descumprindo medida do STF de dezembro de 2022, quando em Assunção foi alvo de operação por ataques aos ministros. Na ocasião nele foi colocada tornozeleira eletrônica e impostas regras, como não se pronunciar em redes sociais, limitação de circulação e outras. Á prisão é motivada por varias quebras de regras estabelecidas e vários escárnios cometidos contra á Justiça Brasileira nos últimos dias pelo o deputado Capitão Assunção.

CAPITÃO ASSUNÇÃO PRESO NOVAMENTE

A prisão de Assumção atende a um pedido do Ministério Público Estadual (MPES), feito por meio da Procuradoria-Geral de Justiça do Espírito Santo (PGJ-ES), no início do ano passado.

“A conduta do investigado, narrada pelo Ministério Público do Espírito Santo, revela-se ilícita e gravíssima, constituindo ameaça ilegal à segurança do presidente da República, dos deputados federais, senadores, bem como dos ministros do Supremo Tribunal Federal, revestindo-se do intuito de, por meio de grave ameaça e violência, impedir o exercício dos poderes constituídos”, diz trecho da decisão do ministro.

Capitão Assunção, é  pré-candidato do PL a prefeito de Vitória, e foi preso  por ordem do STF O deputado estadual teria descumprido medidas cautelares impostas em razão de investigação sobre atos antidemocráticos.

A prisão foi comentada pelo senador Magno Malta, que é presidente do partido PL no Espírito Santo. Durante uma live esta noite ele informou que o deputado foi alvo de busca e apreensão, sendo preso enquanto estava dentro de uma igreja. Para Malta, a ação é política e outros membros do partido do ex-presidente Jair Bolsonaro lançados pré-candidatos em todo país estão sendo perseguidos por decisões do STF.

A reportagem procurou a Secretaria de Segurança Pública, cuja informação é de que nenhum militar, nem da reserva, teria sido conduzido, até o momento, no presídio militar. Procurada a PF ainda não confirmou.

HISTÓRICO DE BIRRICES, FANFARRICES E PATETICES

ASSUNÇÃO PISTOLA COM CRIANÇA

O deputado preso hoje (28)  tem um histórico de memes políticos, já chegou à oferecer 10 mil para matar um acusado por crimes em Cariacica ES. Assunção colocou uma pistola .40 nas mãos de sua filha na época de 9 anos de idade, imagens que chocaram à opinião publica tamanho o desiquilibrio mental de Licínio Assunção.

 

PEDREIRO É MORTO POR DEPUTADO CAPITÃO ASSUNÇÃO

 

RECORDAR É VIVER!

SURTO NA PRISÃO E AGRESSÃO À COLEGA NO QCG

O militar da reserva capitão Licínio Castelo de Assunção, conhecido como capitão Assunção, teve um surto dentro do presídio da Polícia Militar, neste sábado (29/07/2017), segundo a corporação.

O capitão, de acordo com a PM, danificou objetos do local e tentou agredir um policial.

Ele foi encaminhado para o Hospital Estadual de Atenção Clínica (HEAC), o antigo Adauto Botelho, onde passou por uma avaliação médica.

Segundo a PM, ele foi autuado em flagrante por dano e violência contra militar.

   ASSUNÇÃO JÁ ESTÁ NO QCG DA PMES. O DEPUTADO ESTADUAL CAPITÃO ASSUNÇÃO JÁ SE ENCONTRA NO QUARTEL DO COMANDO GERAL (Q.C.G.)