O CANCELAMENTO DA FELIVV NA CONTRAMÃO DA FORMAÇÃO DE LEITORES

47

Em março de 2022 durante uma homenagem aos bibliotecários na câmara municipal de Vila Velha, fiz um pedido inusitado a um vereador muito querido para levar uma proposta de feira literária ao executivo canela verde .

No mês seguinte entreguei em mãos o esboço do projeto que tinha como foco a venda de livros e a valorização do escritor capixaba .

As reuniões sobre a feira começaram sem a minha presença  por que eu já fazia oposição ao governo municipal e estava instalado o desgaste .

As partes interessadas que se juntaram  para dar vida  ao projeto vinham da semed,  Academia de Letras , semad e secretaria de cultura da cidade de  Vila velha.

Meu projeto foi totalmente modificado pela gestão e ganhou um formato de mostra cultural escolar e voltado para mídia política.

Os escritores para quem eu prometi o céu não foram respeitados,  ficaram espalhados pelo corredor da feira , não ocuparam o palco discutindo literatura,  não se falou na economia do livro e ainda tiveram que pagar para participar do evento doando obrigatoriamente de 04 a 05 livros para a prefeitura .

A FELIVV não foi uma feira literária, o projeto original foi ignorado e ganhou forma de feira estudantil onde os trabalhos escolares eram apresentados a população fazendo o nome das escolas e da gestão.

A FELIVV  não foi uma feira de literatura,  não teve visão de mercado editorial , o palco para tocar música era gigante,  mas o palco para contação de história era mínimo.

O nome escolhido pela organização remetia a ideia de uma feira literária,  mas o livro não foi a grande estrela do evento.

Vários autores reclamaram do que foi proposto  e se colocaram a disposição para fazer parte da próxima feira caso a gestão fosse repetir o mau feito. Afinal,  quem escreve deve fazer parte da organização dessas feiras literárias até para avaliar o evento de maneira correta .

O que a PMVV fez foi uma exposição escolar dentro de uma estrutura gigante com fracasso de gestão.

Hoje com o cancelamento oficial da FELIVV 2023 é possível entender por que não deu certo. O evento foi desrespeitoso com os escritores e sua anulação sugere que ninguém gosta de ler , que o escritor capixaba não tem a qualidade suficiente para merecer tanto dinheiro púbico a ponto de anularem o projeto original voltado para a literatura com visão de mercado.

O documento enviado para as escolas com o cancelamento da FELIVV 2023 deu  a entender que o mau feito seria repetido . Outra mostra cultural gigante com doação de livros e visão política.

Ninguém perde com a não realização da FELIVV. A arte literária sempre  ficou em segundo plano.  O livro nunca foi  o prato principal e os escritores não eram os protagonistas da festa.

Vamos aguardar o ano de eleição e ver que formato terá a FELIVV nesse silêncio ensurdecedor sobre a não valorização do leitor.  Meu pedido foi aceito, houve boa vontade do querido vereador e só não foi um sucesso por que deram outra roupagem ao evento .

Luciana Santos